Mostrando postagens com marcador LUME. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador LUME. Mostrar todas as postagens

Crianças Cristal

Celso J.S.Nogueira - Palestra proferida na Fraternidade da Luz em18/06/2004.

Até aqui, falamos dessas crianças maravilhosas, as Crianças Índigo. Mas existe mais... as Crianças Cristal estão chegando!

Por volta do ano dois mil essas crianças começaram e encarnar na Terra. Elas representam o próximo passo na evolução humana. Elas seguem às crianças índigo. Sua missão é completar o trabalho começado pelos índigos. Elas também são detonadores de sistemas, são os guerreiros espirituais que vêm desmantelar e remover maneiras velhas e limitadas de pensar e elas vêm para começar o processo de renovação e reconstrução. A missão primária de uma Criança Cristal é ensinar as maneiras de vida muiltidimensional em harmonia, paz e amor. Elas estão vindo nos ensinar como viver vidas emancipadas com o reconhecimento dos nossos plenos poderes. Elas estão vindo para nos ajudar a nos ligar novamente com as Energias Divinas. Elas representam o caminho futuro da raça humana.

E uma das dádivas mais mágicas delas para conosco é que elas são catalisadores para a nossa evolução: várias crianças e adultos Índigo estão fazendo a transição para o estado Cristal com a ajuda da elevação energética que essas crianças fornecem pela mera presença delas na Terra. As Crianças Cristal são primariamente reconhecidas pelas suas auras que são geralmente claras como cristal mas também podem ter tons de dourado, azul-índigo ou púrpura, dependendo de sua afiliação de Raio.

As Crianças Cristal nascem com acesso ao seu Eu Multidimensional e estão geralmente ancoradas na Sexta Dimensão com a habilidade de se abrirem para a Nona Dimensão, a completa Consciência do Cristo!

Isso quando o planeta estiver pronto, provavelmente em torno do ano de 2012, quando a primeira geração de Crianças Cristal atingir os 12 anos de idade.

Existem algumas características bastante definidas que as Crianças Cristal têm quando encarnam: São geralmente bebês grandes e freqüentemente têm cabeças que são proporcionalmente grandes para os seus corpos. Tem olhos grandes e penetrantes e fitam as pessoas nos olhos por longos períodos. O que esses bebês estão fazendo é acessar os registros de alma do adulto e ler quem é ele. Esse é um comportamento perfeitamente normal para essas crianças e elas ficarão muito contentes se o adulto fizer o mesmo de volta. É a maneira cristal de se comunicar, olhar para a alma de outro ser e sentir quem é ele. Uma coisa que todos nós aprenderemos a fazer no futuro.

Emocionalmente, elas são geralmente bebês muito bons e calmos formando um laço intenso com a mãe. Esta é, geralmente, a primeira encarnação delas neste planeta e precisam da reafirmação e estabilidade que a presença física da mãe pode oferecer. São crianças extremamente amorosas e freqüentemente procurarão ajudar e curar tanto humanos como animais em sofrimento. São crianças também extremamente sensíveis. Elas não só são capazes de ler o registro da alma de uma pessoa como também sentir todas as tensões e raivas não resolvidas que a pessoa carrega em seu subconsciente.

É por isso que elas são tão sensíveis ao seu meio ambiente. Educar uma Criança Cristal pode ser um verdadeiro desafio. Freqüentemente os assuntos não resolvidos dos pais são sentidos pela criança , que será afetada negativamente por essas emoções . Mas a característica pessoal mais fora de série das Crianças Cristal é o seu poder. Elas são muito poderosas! Elas têm as energias poderosas de um Mestre da Sexta Dimensão. É por isso essencial que os pais aprendam a respeitá-las e a negociar com elas. Senão essa energia poderosa será usada em lutas por poder que seus pais ou educadores nunca irão ganhar.

Crianças Cristal têm várias dádivas especiais que derivam das suas habilidades multidimensionais. Elas têm a habilidade não só de ler os campos de energia das pessoas como muitas outras habilidades psíquicas, desde mover objetos mentalmente até ler livros sem abrí-los e ainda têm uma grande habilidade de comunicar-se telepaticamente e é por isso que elas, às vezes, não falam até que tenham 4 ou 5 anos de idade.

A missão de todas as Crianças Cristal é avançar a evolução humana pelo processo da ascensão. Elas estão aqui para nos mostrar como viver de uma maneira completamente nova e diferente. Só por chegarem em tão grande número e ancorarem a Energia Crística, elas estão facilitando uma mudança nas energias planetárias. Mas também estão aqui para nos ensinar técnicas de vida multidimensional para o reconhecimento dos nossos plenos poderes.

A Criança Cristal move-se facilmente entre as diferentes dimensões. Não estão nada limitadas ao mundo da terceira dimensão; embora tenham corpos e funcionem na realidade da terceira dimensão, elas estão essencialmente sintonizadas na sexta dimensão e trazem essa energia para o nosso planeta.

O princípio fundamental por trás dessa maneira de viver é a Consciência da Unificação. As Crianças Cristal percebem e vivem a Unidade. Elas sentem as energias dos outros. Elas apanham ansiedade e stress que não são delas. Elas sentem as toxinas no ambiente e na comida. Temos que estar conscientes da dádiva que estas crianças nos trazem. Elas são o futuro. Elas nos mostram o que estamos nos tornando. E a dádiva especial delas para conosco é para nos dizer que nós podemos nos tornar assim como elas agora, se deixarmos que as suas energias nos movam para o próximo degrau na escala da evolução. Ao chegarem em número tão significativo elas estão precipitando o despertar espiritual de grande número de humanos.

E não há limite de idade para isso.

Você pode ter 10 ou 100 anos, pegar essa onda de energia Cristal e renascer no seu estado Crístico!

Aos pais dessas crianças fascinantes eu gostaria de dizer aqui algumas palavras do Mestre Sananda que eu passei de uma mensagem publicada na revista Amaluz em 1998. Sananda é o nome como esotericamente é conhecido Jesus de Nazaré:

" Não as forcem a enquadrar-se nos velhos moldes. Elas chegaram com novas marcas de nível superior para a humanidade, codificadas dentro do seu ser. Elas carregam em seu interior grande sabedoria espiritual;

Lembrem-se de que seus filhos não são vocês. Em outros níveis do seu ser vocês estabeleceram acordos com eles para permitir-lhes vir através de vocês para a experiência no plano terrestre. Repito, eles vieram através de vocês mas não são vocês. Cada um deles é único e vem com sua própria personalidade, talentos e pensamentos. Não esperem que eles vivam os seus sonhos, pois eles têm os deles próprios;

Passa ser sua tarefa amá-los incondicionalmente, sustentá-los e encorajá-los em suas explorações e ajudá-los a descobrir seu propósito de estarem aqui, suas missões e a exercerem os papéis apropriados para eles;

Essas crianças trazem sistemas neurológicos diferentes em seus corpos. Elas exigirão muito amor e compreensão por parte de suas famílias e da comunidade. Essas crianças podem parecer desajustadas e de certo modo são, porque elas anunciam a chegada da sétima raça original, a raça índigo a seu planeta. Elas são as precursoras de seres de dimensões ainda superiores que virão;

Seria conveniente que vocês ampliassem seus horizontes com alguns estudos metafísicos. Seria desejável iniciar momentos de meditação familiar e que cada pessoa possa compartilhar em comunhão espiritual juntos, permitam que cada membro da família participe de algum modo.

Além disso, as crianças sabem que existem anjos em volta, encorajem essas conexões. Permitam que reino angélico participe desses momentos miraculosos no plano terrestre;

Dêem ouvidos a seus filhos quando eles manifestarem o desejo de compartilhar suas experiências com sonhos. Muita informação é transmitida, os sonhos trazem mensagens da alma;

Encorajem seus filhos a apreciar e respeitar a natureza, a sentir a terra, a observar as plantas e os animais em seu ciclo através das estações. Ensinem-nos a amar e respeitar seus animais de estimação. Se possível, levem-os à praia, às montanhas e às planícies. Permitam que eles vejam diretamente a grandeza do planeta. Pergunte o que eles estão vendo e sentindo e talvez mesmo ouvindo, pois eles não irão ver, ouvir e sentir o mesmo que vocês. Dêem ouvidos a eles. Eles são sábios. Permitam que eles os ensinem de modo que vocês possam compartilhar de seu encanto;

Com a mescla dos planos astrais inferiores no plano físico, seus filhos podem ver figuras, formas e outras aparições... essas visões durante a vigília são válidas e podem ser divertidas ou assustadoras...sábio é o pai que não rejeita jocosamente essas experiências de seus filhos. Encorajem seus filhos a falar sobre essas experiências, e riam com eles ou compadeçam-se com eles mas permitam que eles manifestem essas visões. Trabalhem com seus filhos para passar essas entidades para as mãos orientadoras das forças angelicais, que em troca os conduzirão a seus lugares apropriados em outros planos de existência;

Não sejam precipitados em suas avaliações, pois seus filhos não são loucos. Se vocês, de alguma maneira, ficam confusos sobre como cuidar dessas crianças e do seu crescimento, procurem orientação apropriada daqueles que compreendem princípios metafísicos e espirituais e a transmutação de energia;

Dêem aos seus filhos sua máxima atenção. Eles os ensinarão muito e vocês serão abençoados por eles. Amem incondicionalmente. Abençoem vigorosamente. Tratem com grande carinho, pois eles são seus instrutores. Eles vêm para cá com muito amor para compartilhar e vêm com paz, harmonia, tolerância e alegria em seus corações. Sim, meus amados, ouçam bem, pois eles trazem lições de sabedoria para vocês ".

Crianças Índigo

Celso J.S.Nogueira - Palestra proferida na Fraternidade da Luz em18/06/2004.

Nesta noite eu vou falar sobre um tema fascinante!

Nesta noite eu vou falar das Crianças das Estrelas: as Crianças Índigo e as Crianças Cristal.

Estes seres fantásticos que estão chegando à Terra, cada vez mais e mais... encarnando em todos os países, em todas as raças, em todos os níveis sociais, nas aldeias mais distantes e nas cidades mais populosas e muito... muito possivelmente dentro da sua própria família, bem debaixo do seu nariz!

As Crianças Índigo são crianças fabulosas que estão encarnando aqui na Terra há bastante tempo, mas vinham poucas delas, até que depois da segunda guerra mundial começaram a vir em maior número e a partir da década de 70 então, começaram a chegar em ondas, cada vez mais e mais delas. Hoje, os dados são impressionantes!

Pesquisadores americanos estimam que depois de 1995 oitenta e cinco por cento dos nascimentos ocorridos na Terra é de crianças índigo!

Fica muito evidente que alguma coisa está acontecendo. Mas, o quê? Astrônomos importantes como Freidrich Wilhelm Bessel, Paul Otto Hesse, José Comas Sola, Edmund Halley, depois de estudos e cálculos minuciosos, chegaram à conclusão de que o sistema solar gira em torno de Alcione, estrela central da constelação das Plêiades. Nosso Sol é, portanto, a oitava estrela da constelação e leva 26 mil anos para completar uma órbita ao redor de Alcione.

Descobriu-se também que Alcione tem à sua volta um gigantesco anel de radiação que foi chamado de cinturão de fótons. Um fóton consiste na decomposição ou divisão do elétron, sendo a mais ínfima partícula de energia eletromagnética. A cada dez mil anos o Sistema Solar penetra por dois mil anos nesse anel de fótons, ficando mais próximo de Alcione.

A última vez que a Terra passou por ele foi durante a Era de Leão, há cerca de doze mil anos. Na Era de Aquário, que está se iniciando, ficaremos outros dois mil anos nesse anel de radiação. Sob a influência dos fótons, todas as moléculas e átomos do nosso planeta passam por uma transformação, precisando se readaptar a novos parâmetros. A excitação molecular cria um tipo de luz constante, permanente, que não é quente, uma luz sem temperatura que não produz sombra nem escuridão.

Talvez por isso os hindus chamem de Era da Luz os tempos que estão por vir. Desde 1972, o Sistema Solar vem entrando no cinturão de fótons, e em 1987 foi a Terra que começou a penetrá-lo, estando gradativamente avançando até que no ano de 2012 deverá estar totalmente imersa em sua luz. As pessoas despertas acordarão como de um sonho com seus centros de energia totalmente abertos, livres do véu do esquecimento, tanto pessoal quanto planetário, pertinentes à terceira dimensão. As pessoas começarão a se reconectar com suas origens e propósitos da alma, que é o retorno da Consciência Crística para o planeta. Um novo campo de percepção está disponível para aqueles que aprenderem a ver as coisas de uma outra forma.

Desde a década de oitenta, quando a Terra começou a penetrar no cinturão de fótons, estávamos nos sincronizando com a quarta dimensão e nos preparando para receber a radiação de Alcione, estrela de quinta dimensão. O véu do esquecimento que envolve o nosso planeta cairá de tal modo que os primeiros Semeadores de Vida na Terra, vindos de outros sistemas, reaparecerão nos auxiliando a firmar uma nova civilização e a incorporar uma nova realidade.

Prestem atenção, eu vou repetir: O véu do esquecimento que envolve o nosso planeta cairá de tal modo que os primeiros Semeadores de Vida na Terra, vindos de outros sistemas, reaparecerão nos auxiliando a firmar uma nova civilização e a incorporar uma nova realidade.

Meus irmãos... é aqui que entram as Crianças Índigo - essas crianças fascinantes... fantásticas... fabulosas... que são o próximo passo na nossa evolução como espécie humana. Vocês se lembram da novela " Mulheres Apaixonadas " que a Globo apresentou há algum tempo atrás? Vocês se lembram da Salete? Aquela menininha que tinha visões, que previa acontecimentos... pois bem, é o próprio autor da novela, o escritor Manoel Carlos, que fala:nos Estados Unidos ouvi falar muito das Crianças Índigo. Salete é Índigo. Ela tem uma percepção da Luz, vê anjos, prevê acontecimentos, tem premonições... As Crianças Índigo são crianças espetaculares. E estão chegando para ajudar na transformação social, educacional, familiar e espiritual de todo o planeta, independentemente de fronteiras e de classes sociais. São catalisadores desencadeando as reações necessárias para a transformação. Elas possuem uma estrutura cerebral diferente no tocante ao uso da potencialidade dos hemisférios esquerdo, menos desenvolvido, e direito, mais desenvolvido. Isso quer dizer que elas vão além do plano intelectual. Elas exigem do ambiente à sua volta certas características que não são comuns nas sociedades atuais.

E elas vão agir, aliás, já estão agindo, através do questionamento e transformação de todas as instituições rígidas que as circundam, começando pela família. Família que se baseia na imposição de regras, sem tempo de dedicação, sem autenticidade, sem explicações, sem informação, sem escolha e sem negociação. Essas crianças simplesmente não respondem a essas estruturas rígidas, porque para elas é imprescindível haver opções, relações verdadeiras e muita negociação. Elas não aceitam serem enganadas porque elas têm uma intuição para perceber as verdadeiras intenções dos adultos e não têm medo. Portanto, intimidá-las não traz resultado, porque elas sempre encontrarão uma maneira de obter a verdade.

A segunda instituição vulnerável à ação dos Índigos é a escola. Hoje, o modelo de ensino é sempre imposto sem muita interação, um modelo feito para o hemisfério esquerdo do cérebro, o racional, o lógico, incompatível com os Índigos que naturalmente têm o hemisfério direito mais desenvolvido, o que lhes dá o grande poder intuitivo, a grande capacidade de percepção extra-sensorial. Como elas possuem uma estrutura mental diferente, elas resolvem problemas conhecidos de uma maneira diferente, além de encontrar formas diferentes de raciocínio que abalam o modelo atual de ensino.

Assim, através do questionamento, elas influenciarão todas as demais instituições, o mercado de trabalho, a cidadania, as relações interpessoais, as relações amorosas, as instituições espirituais, pois elas são essencialmente dirigidas pelo hemisfério direito.

Mas por quê índigo?

Por que Crianças Índigo?

O nome : Criança Índigo refere-se à cor da sua aura, o azul-índigo, que indica uma aura de Mestre. São crianças especiais que decidiram encarnar no nosso planeta com uma missão e um objetivo específico: são guerreiros, detonadores de sistemas!

Elas já vêm ao nosso planeta há bastante tempo. Alguns até argumentam que Jesus e Budha eram índigos, pois a missão deles, numa escala global, era mudar a consciência da humanidade.

Nos anos setenta, começaram a vir em ondas. Muitos deles... seres que hoje estão nos seus vinte...trinta anos, a geração guerreira que começou a desafiar e a mudar os velhos sistemas.

Nos anos oitenta e noventa, mais e mais ondas de índigos chegaram, agora com uma sensibilidade e refinamento maiores ainda! E no final dos anos noventa e início de dois mil eles estão ganhando a companhia das " Crianças Cristal " que chegam também como guerreiros... mas guerreiros espirituais!

Presentemente, nós estamos vendo uma geração de Mestres vindo para o nosso planeta, essas crianças fantásticas também chamadas de " Crianças das Estrelas".

Elas são a nossa esperança para o futuro, elas são a nossa esperança para o presente.


Mas como reconhecer um Índigo?

A resposta óbvia seria verificar a cor da sua aura. Mas nem todos os Índigos têm a aura na cor azul-escuro o tempo todo. O termo Índigo refere-se mais ao estado da alma do que à cor da aura, que muda um pouco de acordo com sua disposição e seus interesses.

Videntes que vêem os estados da alma podem identificar Índigos. No entanto, é fácil identificar um Índigo pela sua sensibilidade, criatividade, espiritualidade e padrões gerais de comportamento.

Como crianças, elas se parecem com todas as outras crianças, embora sejam freqüentemente bonitas e com olhos penetrantes. São sempre altamente inteligentes e cheias de perguntas e exigências. Têm muita energia, são muito ativas, têm muita força de vontade e um senso forte do seu próprio valor e importância. Sabem que são especiais e que estão aqui para fazer alguma coisa significativa. Possuem amigos "imaginários" e adoram fadas e golfinhos. A inteligência excepcional das crianças índigo pode ser exasperante para os adultos. Ninguém lhes dirá o que fazer, elas quererão debater e negociar cada instrução, cada ordem. Até que os pais aprendam que estão sendo ensinados e aprendam a respeitar o direito de escolha da criança e honrar essa escolha, eles continuarão a ser confrontados com lutas de poder e batalhas de força de vontade.

A maneira correta de lidar com um Índigo é de estar disposto a negociar, explicar, dar-lhe escolhas. Ordens como "Faça assim porque eu estou mandando" só produzirão hostilidade e indiferença.

Os Índigos geralmente não gostam nada-nada da escola. Ficam entediados pelo passo vagaroso e pelas tarefas repetitivas. Aprendem através do nível de explicação, resistindo à memorização mecânica ou a serem simplesmente ouvintes. São hiperativos, distraem-se com facilidade, tendo baixo poder de concentração. Têm alta sensibilidade, não conseguem ficar quietos ou sentados, a menos que estejam envolvidos em alguma coisa do seu interesse. Por serem orientados pela parte direita do cérebro, quando adultos, são geralmente atraídos por atividades e ocupações que usam o hemisfério direito, como a música, a arte, a escrita, a espiritualidade. Adoram cristais, Reiki, meditação e yoga. São intensivamente leais aos seus amigos, acreditam em honestidade e comunicação nas relações. Ficam freqüentemente desconcertados com a desonestidade, a manipulação e outras formas de comportamento egoísta. Uma das características-chave dos Índigos é freqüentemente a sua ira. As figuras de autoridade não conseguem nada com elas. Num nível profundo, elas não reconhecem a autoridade. Sabem que somos todos iguais e por isso ficam irritados, furiosos mesmo, com aqueles que se comportam ditatorialmente , quer sejam pais, professores ou patrões. São muito compassivos, amam os animais e qualquer forma de vida; têm muitos medos, como medo da morte e perda dos seres amados. Se experimentam muito cedo decepção ou falha, podem desistir e desenvolver um bloqueio permanente.

Um problema sério quando se trata de Crianças Índigo é o diagnóstico errado habitual dado aos índigos, catalogados como portadores de Transtorno do Déficit de Atenção ou do Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade. Com isso, dá-se medicação a elas, sedando toda a sua imensa potencialidade. Essas crianças estão aqui para nos ajudar na transformação do mundo. Portanto nós precisamos aprender com elas, principalmente escutando-as e observando-as.

As Crianças Índigo chegam aqui para nos dar um novo entendimento, são verdadeiros presentes para os pais, para o planeta e para o universo. Quando honramos estes pequeninos como presentes, nós vemos a sabedoria divina que eles trazem para ajudar a crescer a vibração do nosso Planeta.

O passo mais importante para entender e se comunicar com essas crianças é mudar a nossa forma de pensar a respeito delas, derrubando os nossos paradigmas para honrar os pequeninos como presentes ao invés de problemas. Assim abriremos as portas para perceber a grande sabedoria que elas trazem. Os pequeninos honrarão essa intenção, e um caminho para o entendimento aparecerá.

Ressonância Schumann

Leonardo Boff

Não apenas as pessoas mais idosas, mas também as jovens passam pela experiência de que tudo está se acelerando excessivamente.

Ontem foi Carnaval, dentro de pouco será Páscoa, mais um pouco, Natal.

Esse sentimento é ilusório ou tem base real?

Pela ressonância Schumann se procura dar uma explicação. O físico alemão W.O. Schumann constatou em 1952 que a Terra é cercada por um campo eletromagnético poderoso que se forma entre o solo e a parte inferior da ionosfera, cerca de 100km acima de nós. Esse campo possui uma ressonância (dai chamar-se ressonância Schumann), mais ou menos constante, da ordem de 7,83 pulsações por segundo.

Funciona como uma espécie de marca-passo, responsável pelo equilíbrio da biosfera, condição comum de todas as formas de vida.

Verificou-se também que todos os vertebrados e o nosso cérebro são dotados da mesma freqüência de 7,83 hertz.

Empiricamente fez-se a constatação de que não podemos ser saudáveis fora dessa freqüência biológica natural.

Sempre que os astronautas, em razão das viagens espaciais, ficavam fora da ressonância Schumann, adoeciam. Mas submetidos à ação de um simulador Schumann recuperavam o equilíbrio e a saúde.

Por vários anos as batidas do coração da Terra tinham essa freqüência de pulsações e a vida se desenrolava em relativo equilíbrio ecológico.

Ocorre que a partir dos anos 80, e de forma mais acentuada a partir dos anos 90, a freqüência passou de 7,83 para 11 e para 13 hertz. O coração da Terra disparou. Coincidentemente, desequilíbrios ecológicos se fizeram sentir: perturbações climáticas, maior atividade dos vulcões, crescimento de tensões e conflitos no mundo e aumento geral de comportamentos desviantes nas pessoas, entre outros.

Devido à aceleração geral, a jornada de 24 horas, na verdade, é somente de 16 horas. Portanto, a percepção de que tudo está passando rápido demais não é ilusória,mas teria base real nesse transtorno da ressonância Schumann.

Gaia, esse superorganismo vivo que é a Mãe Terra, deverá estar buscando formas de retornar a seu equilíbrio natural. E vai consegui-lo, mas não sabemos a que preço, a ser pago pela biosfera e pelos seres humanos.

Aqui abre-se o espaço para grupos esotéricos e outros futuristas projetarem cenários, ora dramáticos, com catástrofes terríveis, ora esperançosos, como a irrupção da quarta dimensão, pela qual todos seremos mais intuitivos, mais espirituais e mais sintonizados com o biorritmo da Terra.

Não pretendo reforçar esse tipo de leitura. Apenas enfatizo a tese recorrente entre grandes cientistas e biólogos de que a Terra é, efetivamente, um superorganismo vivo, de que Terra e humanidade foram feitos para estar sempre em harmonia, como os astronautas testemunham de suas naves espaciais.

Nós, seres humanos, precisamos da Terra que nossa casa é, que amamos. Porque? Segundo a teoria de Schumann, possuímos a mesma natureza bioelétrica e estamos envoltos pelas mesmas ondas ressonantes Schumann.

Se queremos que a Terra reencontre seu equilíbrio, devemos começar por nós mesmos: fazer tudo sem estresse, com mais serenidade, com mais harmonia, com mais amor, que é uma energia essencialmente harmonizadora. Para isso importa termos coragem de ser a anticultura dominante, que nos obriga a ser cada vez mais competitivos e efetivos.

Precisamos respirar junto com a Terra, para conspirar com ela pela Paz.

DNA e Emoções por Gregg Braden


A seguir três assombrosos experimentos com o DNA (ADN) que provam as qualidades e auto-cura do mesmo em consonância com os sentimentos da pessoa, como foi reportado recentemente por Gregg Braden em seu programa intitulado Curando Corações/ Curando Nações: A Ciência da Paz e o Poder das Orações. Gregg Braden começou como cientista e engenheiro antes que se fizesse as "grandes perguntas".


EXPERIMENTO 1 -  O primeiro experimento foi realizado pelo Dr. Vladimir Poponin, um biólogo quântico. Nesta experiência começou-se por esvaziar um recipiente (quer dizer que se criou um vazio em seu interior) e o único elemento deixada dentro foram fótons (partículas de luz). Foi medida a distribuição destes fótons e descobriu-se que estavam distribuídos aleatoriamente dentro deste recipiente. Este era o resultado esperado. Então foi colocada dentro do recipiente uma amostra de DNA e a localização dos fótons foi medida novamente. Desta vez os fótons haviam se ORGANIZADO EM LINHA com o DNA. Em outras palavras, o DNA físico produziu um efeito nos fótons não físicos. Depois disto, a amostra de DNA foi removida do recipiente e a distribuição dos fótons foi medida novamente. Os fótons PERMANECERAM ORDENADOS e alinhados onde havia estado o DNA. A que estão conectadas as partículas de luz? Gregg Braden diz que estamos impelidos a aceitar a possibilidade que exista um NOVO campo de energia e que o DNA está se comunicando com os fótons por meio deste campo.


EXPERIMENTO  2 - Este experimento foi levado a cabo pelos militares. Foram recolhidas amostras de leucócitos (células sanguíneas brancas) de um número de doadores. Estas amostras foram colocadas em um local equipado com um aparelho de medição das mudanças elétricas. Nesta experiência o doador era colocado em um local e submetido a "estímulos emocionais" provenientes de vídeo clips que geravam emoções ao doador. O DNA era colocado em um lugar diferente do que se encontrava o doador, mas no mesmo edifício. Ambos, doador e seu DNA, eram monitorados e quando o doador mostrava seus altos e baixos emocionais (medidos em ondas elétricas) o DNA expressava RESPOSTAS IDÊNTICAS e AO MESMO TEMPO. Não houve lapso e retardo de tempo de transmissão. Os altos e baixos do DNA COINCIDIRAM EXATAMENTE com os altos e baixos do doador. Os militares queriam saber o quão distantes podiam ser separados o doador e seu DNA e continuarem observando este efeito. Pararam de experimentar quando a separação atingiu 80 km entre o DNA e seu doador e continuaram tendo o MESMO resultado. Sem lapso e sem retardo de transmissão. O DNA e o doador tiveram as mesmas respostas ao mesmo tempo. Que significa isto? Gregg Braden diz que isto significa que as células vivas se reconhecem por uma forma de energia não reconhecida anteriormente. Esta energia não é afetada pela distância e nem pelo tempo. Esta não é uma forma de energia localizada, é uma energia que existe em todas as partes e todo o tempo.


EXPERIMENTO  3 -  O terceiro experimento foi realizado pelo Institut Heart Math e o documento que lhe dá suporte tem este título: Efeitos locais e não locais de freqüências coerentes do coração e alterações na conformação do DNA (Não se fixem no título, a informação é incrível!) Este Experimento relaciona-se diretamente com a situação com o antrax. Neste experimento tomou-se o DNA de placenta humana (a forma mais pristina de DNA) e colocou-se em um recipiente onde se podia medir as alterações do mesmo. 28 amostras foram distribuídas, em tubos de ensaio, ao mesmo número de pesquisadores previamente treinados. Cada pesquisador havia sido treinado a gerar e SENTIR sentimentos, e cada um deles podia ter fortes emoções. O que se descobriu foi que o DNA MUDOU DE FORMA de acordo com os sentimentos dos pesquisadores. 1. Quando os pesquisadores sentiram gratidão, amor e apreço, o DNA respondeu RELAXANDO-SE e seus filamentos esticando-se. O DNA tornou-se mais grosso. 2. Quando os pesquisadores SENTIRAM raiva, medo ou stress, o DNA respondeu APERTANDO-SE. Tornou-se mais curto e APAGOU muitos códigos. Já sentiu-se alguma vez "descarregado" por emoções negativas? Agora já sabe porque seu corpo também se descarrega! Os códigos de DNA conectaram-se novamente quando os pesquisadores tiveram sentimentos de amor, alegria, gratidão e apreço. Esta experiência foi aplicada posteriormente a pacientes com HIV positivo. Descobriram que os sentimentos de amor, gratidão e apreço criaram RESPOSTAS DE IMUNIDADE 300.000 vezes maiores que a que tiveram sem eles. Assim que temos aqui uma resposta que nos pode auxiliar a permanecermos com saúde, sem importar quão daninho seja o vírus ou a bactéria que esteja flutuando ao redor. Mantendo os sentimentos de alegria, amor, gratidão e apreço. Estas alterações emocionais foram mais além de seus efeitos eletromagnéticos. Os indivíduos treinados para sentirem amor profundo foram capazes de mudar a forma de seu DNA. Gregg Braden diz que isto ilustra uma nova forma de energia que conecta toda a criação. Esta energia parece ser uma REDE ESTREITAMENTE TECIDA que conecta toda a matéria. Podemos influenciar essencialmente esta rede de criação por meio de nossas VIBRAÇÕES


RESUMO: O que tem a ver os resultados destas experiências com nossa situação presente? Esta é a ciência que nos permite escolher uma linha de tempo que nos permite estar a salvo, não importa o que aconteça. Como Gregg explica em seu livro O EFEITO DE ISAÍAS, basicamente o tempo não é apenas linear (passado, presente e futuro) mas também é profundidade. A profundidade do tempo consiste em todas as linhas de tempo e de oração que possam ser pronunciadas ou que existam. Essencialmente, suas orações já foram respondidas. Simplesmente ativamos a que estamos vivendo por meio de nossos SENTIMENTOS. É assim que criamos nossa realidade, ao a escolhermos com nossos sentimentos. Nossos sentimentos estão ativando a linha do tempo por meio da rede de criação, que conecta a energia e a matéria do universo. Lembre-se que a lei do Universo é que atraímos aquilo que colocamos em nosso foco. Se focas em temer qualquer coisa seja lá o que for, estás enviando uma forte mensagem ao Universo para que te envie aquilo a que mais temes. Em troca, se puderes manter-te com sentimentos de alegria, amor, apreço ou gratidão e focar em trazer mais disto para tua vida, automaticamente vais afastar o negativo. Estarias escolhendo uma LINHA DE TEMPO diferente com estes sentimentos. Podem prevenir o contágio do antrax ou qualquer outra gripe ou vírus, permanecendo nestes sentimentos positivos que mantêm um sistema imune extraordinariamente forte. Sendo assim, esta é uma proteção para o que vier: Busque algo pelo qual estar alegre todos os dias, cada hora se possível, momento a momento, ainda que sejam alguns poucos minutos. Esta é a mais fácil e melhor das proteções que podes ter.


Traduzido para o português por Liane B. de Mesquita desde a tradução para o espanhol de Abjini Arraíz

Acomodai

Acomodai com calma a alma...

Acomodai com calma a partícula Divina Criadora , o espírito ser na tridimensão a qual encarnou sob escolha e determinação da Egrégora Cármica. Foste trazida em consentimento próprio e também em determinação do Conselho Egrega. Tua egrégora carma transforma-se em darma no momento em que transmuta, percebe, vivência a capacidade de mudança.

Vós estais utilizando através do canal receptor coroa coronária a recepção de informações importantes e fundamentais para a elevação do Planeta Terra, planeta água e luz com vibração azul preparando-se para a recepção de seres inteligentes índigos.

K mensagem de Mirna MS Cardoso

Problemas: solução em Deus

Identificai que a força do amor através de Deus o Criador cuja lógica racionaliza os problemas que vós, estando na forma de seres humanos compactos passeis...

Multiplicai para a tridimensão a solução de tudo que parece complexo e observai, escutai, verbalizai...sentidos e ouvidos preparados.

Raios divinos de plena luz pulsam e magnetizam através das palmas das mãos, mecanismo que foi cedido, concedido, criado pela Divina e Suprema Presença do ser EU SOU DEUS SOB FORMA HUMANA, EU SOU A CRIAÇÃO, A VERDADE, A RESSURREIÇÃO E A VIDA, conforme o mandato em prescrição de Saint Germain.
K

Vossa divindade

Sabeis que sois máquina perfeita magnificada pela Inteligência Suprema, dignificada pela resposta...resposta esta que interage com a crença e certeza de que sois amado no plano Terra.

A quem interagi, a quem interage, a quem interagirá no hoje pois o hoje é o sempre, é o todo do presente porque o presente é o Criador e Deus.

Percebeis vossa divindade nesse momento, percebeis a conformidade no plano tridimensional onde tudo é perfeito, magnânimo, supremo.

Vós sois a Divina Presença EU SOU em ação, Poder do Criador e criação, criatura de Deus sob forma humana no Planeta Terra.

K

Criação Divina

A força que tem a mãe natureza na Terra.

Respeito é devido a ela.

Fruto da comunhão com Deus, mostra que atinge os sentidos, a percepção do ser vivo.

Respeite-a, caso não consiga... sustente-a com seu amor.

Vibre com o vento, com o céu azul também estrelado, com o planeta...uma casa, uma estrela.

O sol quando aquece energiza e magnetiza tudo do todo.

Fortalece.

Terra, base do planeta, chão de verde.

Terra natural, minérios, construção, luz com células compostas pela Inteligência Suprema, para aquelas pessoas, animais, plantas menos evoluídos...

Podem amedrontar-se da força viva, água que cai do céu abundantemente...

O planeta Terra fala, oportuniza medo ou incerteza?

Luz!
K

Conhecimento

O conhecimento que leva ao crescimento individual e especificamente o espiritual teve, como em toda a história da humanidade, uma trajetória cíclica. Nos primórdios da civilização, na época de Atlântida, o acesso ao conhecimento era liberado , sendo, o único condicionante a esse acesso as tendências e aptidões do indivíduo. Isso propiciava a existência de uma sociedade de seres livres, seguros e com a devida preocupação espiritual que se manifestava em seu dia-a-dia.

Mas, ainda na própria Atlântida, no ocaso dessa civilização, os sacerdotes, já tomados pelo poder e a possibilidade de dominar sobre os demais, passaram a tornar o conhecimento um segredo para poucos. E, desde aí, isto passou a ser uma tônica nas sociedades seguintes, como o Egito e até os dias de hoje.

Mas devemos perceber que estamos vivendo novos tempos, uma nova energia espiritual, onde os segredos deixam de existir e, novamente, o homem passa a acessar um manancial cultural, informativo, formativo e de ascensão mental, emocional e espiritual bem maiores do que nos últimos séculos.

O que deve ficar muito claro é que o uso desse conhecimento, para não se tornar uma âncora que leve a destruição espiritual, tem de ser utilizado, percebido e totalmente conscientizado que esse carrega em si a qualidade de somente ser utilizado para o Bem, para o Amor e para a Luz. Essa qualidade intrínseca deixa transparente que o uso de todo conhecimento vindo de Deus, da Luz e do Amor para fins não devidos leva ao desfecho óbvio de que o indivíduo deixa de tê-lo disponível e, para retornar a acessá-lo, terá de percorrer um caminho bem mais longo de volta em direção a Deus.

Portanto, o uso do conhecimento não deve ser domínio de alguns, mas sim acesso de todos para que tenham a oportunidade de entendê-lo com a real consciência de sua natureza e possam usa-lo de modo transparente, com o discernimento, a responsabilidade e finalidade para os quais foi criado. Isso tudo deixa clara a importância da conscientização individual baseada na Ética, na Honestidade, na Pureza e no Amor a Deus. Sem isso, esse conhecimento pode se tornar uma ferramenta de queda espiritual e não de ascensão, como é sua finalidade.

O homem em busca de Deus

Ao longo da trajetória da humanidade, desde o início da civilização, o homem socializado empreende uma busca constante em direção ao crescimento espiritual utilizando, para isso, formas representativas de Deus, que, muito mais do que uma forma externa, é uma definição clara do ¨momentum¨ dessa busca.

Em Atlântida, base importante dessa história espiritual, a representatividade era definida pelo símbolo (fig. 1) de uma espiral no sentido horário interceptada por uma linha reta – um símbolo que se encontra na planta urbana da cidade. Muito mais do que um simples símbolo ele representa a consciência humana percorrendo a espiral em direção a ascensão em uma trajetória longa que oportuniza seus passos se tornarem cada mais seguros da direção a percorrer. Nos pontos onde essa trajetória é cortada pela linha reta, a consciência depara-se com a realidade física, para que perceba e entenda que valor e que visão essa realidade lhe traz – e diante disso, a necessária opção de continuar o caminho em direção ao conhecimento de si mesmo e da sua realidade espiritual ou escorrer pela linha da fisicalidade até o caminho abaixo ou até o inicio de tudo.
Fig. 1

Esse símbolo representa a busca do Deus interno, aconchegado no âmago do ser, presente em cada segundo desse caminho, aguardando a chegada do homem, com passos firmes de certeza absoluta,na plenitude da Consciência Espiritual.

No Egito, a idéia de Deus passa a ter uma representação maior no externo do ser - onde adquire imagens e necessita de rituais de adoração para que a ação Divina emane do físico, alcance a Mente de Deus e retorne ao plano físico. O símbolo é, então, a cruz de Ansata (fig. 2) que integra a vida material e a espiritual, respectivamente, o braço reto e a alça da cruz – o corpo físico como parte totalmente integrada ao corpo espiritual, um proporcionando ao outro a possibilidade da compreensão, do crescimento e do entendimento. Através do físico, o homem aprende e prepara -se para a vida espiritual; e o espiritual nutre, desenvolve e ascende a criatura através da compreensão da sua finalidade física e da percepção da presença de Deus em todas as coisas que compõem essa realidade física.
Fig. 2

Quando surge, com o desenho baseado nas cruzes da época das Cruzadas e se reafirma em torno de 1530, a cruz de Malta, com suas oito pontas significando as forças centrípetas do espírito, que o levam em direção ao centro, onde se encontra o âmago de Deus. Representando a integração do Deus interno e o Deus externo, mostra a fisicalidade do homem de braços abertos e a as oito pontas da cruz como a força espiritual que envolve essa fisicalidade mantendo-a unida pelo coração, através do Amor, ao centro da cruz.Fig. 3

Nos dias de hoje, diante do desenvolvimento da ciência, da tecnologia e da globalização na comunicação, Deus adquire um claro caminho como Ser integrante e integrado ao homem e a tudo que envolve o plano físico e espiritual, fazendo parte da vida cotidiana e tornando ao homem cada vez mais consciente do Amor Divino. A representação dessa integração concretizada na fig. 3, onde a base menor caracteriza o humano comum, que, diante da disseminação de informações espirituais e possibilidades de crescimento oferecidas nos dias atuais, chega a um caminho de amplas opções (base maior). A partir daí, o caminho a seguir é mais longo e seletivo, pois todos os passos têm de ser respaldados por uma escolha sincera, um desejo indubitável, uma meta clara e uma vontade ferrenha. Esse caminho individualizado em direção a ascensão espiritual, o ápice da figura, levará ao encontro total do homem com seu Criador – o Deus interno e externo vivenciado em toda a sua realidade etérea na Consciência Cósmica do homem.Fig.4

E assim É!

A presença de Deus

Quando você caminha e percebe a Natureza, em um belo jardim ou perto do mar ou até mesmo por uma rua urbana, você percebe como estamos cercados pela vida, que se manifesta em um céu azul dourado de sol ou grandiosamente tempestuoso ou lindamente estrelado?

O mar, tranqüilo e majestosamente belo ou bravio, forte e implacável; as plantas, belas e únicas em formas e cores; as folhas multiformes; os galhos que se curvam artisticamente ou indolentemente se movem com o vento e os troncos das árvores, verdadeiro trabalho de textura entremeado com cores fortes e fantásticas! E os animais, com seus olhinhos puros e sinceros aguardando um gesto de carinho para poderem demonstrar seu amor incondicional; os animais que mostram a você atitudes de verdadeiro amor e desprendimento até entre raças antagônicas.

Pequenas coisas, coisas banais... mas o significado dessa vida que nos cerca e que, associada a vida interna que borbulha em você mesmo são o testemunha irrefutável da Presença de Deus.

Em cada átomo de tudo que compõe o Universo reside a presença pura e perfeita do Amor e da Presença de Deus.

Mesmo que você entenda isso tudo à luz da Física Quântica que desvenda a Teoria das Cordas onde se conclui que, em última análise científica, o Universo é feito de sons, pode-se definir o Universo e todas as coisas que há nele como feitas do som suave e melodioso do Amor de Deus. E dentro desse Universo de melodia e amor, você também está incluído, por isso, é importante cantar a mesma melodia e vibrar no mesmo amor de que o Universo é feito!

E tudo a sua volta, inclusive você, existe em função do amor – e é pelo amor que você está na harmoniosa orquestra universal de sons para vibrar junto com todos os outros e intergrar-se a ela com sua nota única e necessária.

E então? Se você faz parte de uma harmonia sonora e amorosa tão grande, por que planta e convive com a desarmonia em seu mundo? O que, realmente, o faz desarmonizar-se com a natureza, o planeta, os animais, com os seus semelhantes e, pior do que tudo isso, consigo mesmo?

Já parou para ver ao invés de olhar? Já aprendeu ao invés de simplesmente passar pela vida? Já escutou ao invés de só falar? Já se apercebeu de que é parte do Universo, de que é divino em sua essência, sua formação e sua finalidade? Conscientizar-se é o primeiro passo; vivenciar, o segundo; e admitir que muito depende de sua atitude, sua decisão e sua concretização, o terceiro.

Você tem a dádiva de existir e vivenciar a Presença de Deus em tudo, principalmente dentro de você, nunca se esqueça disso!

A distância de Deus

Quantas vezes você ouviu falar que para chegar a Deus precisamos ser perfeitos, seres sem erros, sem defeitos, angelicais em um corpo humano e em um meio denso. E isso o fez entender erroneamente que Deus é tão distante e impossível de se acessar, que isso até o deixou sem ânimo!

Mesmo as religiões que aproximam os seres humanos de Jesus Cristo ainda mantém Deus muito distante. Sinto dizer, mas quem pensa e sente dessa forma, realmente nunca encontará Deus, simplesmente porque o procuram no lugar errado.

Pense comigo.Se você entende e aceita que o Universo é formado por átomos, e, mais especificamente, pelas cordas vibrantes que são parte do átomo, e que, cientificamente, você sabe o que é um átomo. Mas eu lhe pergunto: você sabe o que é um átomo espiritualmente falando? Bem, o átomo é composto por um núcleo em torno do qual giram os elétrons, certo? E a força que mantém esses elétrons girando em torno desse núcleo é o AMOR de Deus e a intensidade do deslocamento e do movimento giratório é determinado pelo ALENTO de Deus que é a mais alta concentração do Amor de Deus e isto você aprende no livro de Saint Germain escrito por Guy Ballard, Mistérios Desvelados.

Então, você percebe que Deus, estando presente em todos os átomos e que o seu corpo físico, mental, espiritual e emocional é formado de átomos, Deus está presente em você? E você o achava inacessível e distante? Ele vive em você e você vive porque Ele está em você!

É preciso transmutar essas idéias limitantes de que o Poder de Deus o isola de Sua Criação – Deus faz parte de Sua Criação, mesmo que esta nem ao menos perceba e perca preciosos minutos de sua vida para procurá-lo em lugares inimagináveis, distantes e externos a si mesma ...

Reconheça a Presença de Deus em você e então entenderá o Seu Verdadeiro Poder e o Seu Verdadeiro Amor!